Linux Kamarada

Linux Kamarada está migrando para o GitLab

O Projeto Linux Kamarada tem o orgulho de anunciar que está se mudando para o GitLab.

Durante os primeiros anos do projeto, o código-fonte e o site foram hospedados no GitHub, e eu sou grato por isso. No entanto, depois da compra do GitHub pela Microsoft — que não tem bom histórico de relacionamento com softwares livres — e, mais recentemente, do episódio envolvendo o projeto youtube-dl, receio que o GitHub não seja mais o melhor lugar para hospedar meu projeto. E, no momento, a melhor alternativa ao GitHub é o GitLab.

Eu já usava o GitLab no trabalho e decidi usá-lo para o Linux Kamarada também, seguindo outros projetos de software livre maiores que decidiram pelo mesmo movimento, como GNOME, KDE, XFCE, VLC, Inkscape, Manjaro, Kali Linux e muitos outros.

Embora o GitHub hospede hoje milhares de projetos de código aberto, o GitHub em si não é código aberto. Por sua vez, o GitLab disponibiliza seu código-fonte, permitindo a qualquer um contribuir para a plataforma ou levantar seu próprio servidor do GitLab. Eu não sou um purista do software livre, não me importo de usar software proprietário quando preciso, mas prefiro usar (e desenvolver) softwares livres sempre que posso. Me anima imaginar que um dia posso reportar um bug para o GitLab (talvez até mesmo corrigi-lo) ou ajudar na tradução.

Estou migrando os repositórios do GitHub para o GitLab. Em breve, o código-fonte do Linux Kamarada estará disponível em gitlab.com/kamarada. Os repositórios antigos em github.com/kamarada serão arquivados.

No momento, este site está sendo servido pelo GitLab Pages, análogo ao GitHub Pages. Vale observar que o GitHub Pages suporta apenas o gerador de site estático Jekyll (ou você pode usar qualquer outro, desde que compile o site em seu computador), enquanto o GitLab Pages suporta o Jekyll e outros geradores de sites estáticos, a exemplo do Hugo.

Ainda sobre o GitLab, por último, mas não menos importante, eu gosto da issue board (“quadro de issues”), que é a interface que o GitLab oferece para gerenciar as issues. O conceito de issue é um tanto amplo e abstrato, mas você pode entender como “coisas a fazer” em um projeto: funcionalidades, bugs ou, em se tratando de um blog, textos para escrever. Se você já viu algum quadro Kanban, vai achar o visual (e o uso) bastante parecido:

Borrei os nomes dos textos, afinal de contas, vocês não querem spoiler, não é mesmo?

Borrei os nomes dos textos, afinal de contas, vocês não querem spoiler, não é mesmo?

Aproveitando a oportunidade, quero falar brevemente sobre outra novidade, que é a mudança de endereço: de kamarada.github.io para linuxkamarada.com. Deixarei o site antigo no ar como uma espécie de arquivo/cópia dos textos antigos e para avisar as pessoas do endereço novo. Se você tem o Linux Kamarada nos favoritos, atualize o link!

Esse domínio foi registrado na Namecheap. É uma registrar (empresa que registra domínios) americana que existe desde o ano 2000. Ela me chamou a atenção por ser a registrar usada por algumas das distribuições Linux mais conhecidas, como Arch Linux, Zorin OS, KDE neon e MX Linux (você pode verificar isso com a ajuda do comando whois, por exemplo: whois archlinux.org). Além disso, a Namecheap tem um recurso de privacidade gratuito e que vem ativado por padrão, que é o WhoisGuard, que protege os dados sensíveis dos usuários (para muitos domínios .com.br, o whois informa o nome e o CPF de alguém, o que é um vazamento de dados grave). Também achei interessante que a Namecheap aceita Bitcoin.

Gostou? Que tal compartilhar?

Me paga um café?
Se você gostou muito, se foi muito útil pra você, será que vale um café? Se quiser, você pode "me pagar um café" pelo PayPal ou contribuir com o projeto de outras formas.

Comentários

Sobre

O Projeto Linux Kamarada visa divulgar e promover o Linux como um sistema operacional robusto, seguro, versátil e fácil de usar, adequado para o uso diário seja em casa, no trabalho ou no servidor. Os focos do projeto são principalmente distribuição e documentação.

Anúncios

Facebook

Autor